Tribunal da Guarda deixa Allan Sharif em prisão preventiva

Posted by

Algemas2012Allan Sharif, acusado da prática de crimes de corrupção e burla qualificada, fica em prisão preventiva. O Tribunal da Guarda aplicou a medida de coação por “perigo de fuga”, disse a advogada Eliana Machado.

A PJ anunciou ontem que deteve Allan Sharif, em Mangualde, quando o suspeito aguardava em liberdade “o trânsito em julgado de dois acórdãos que o haviam condenado em pesadas penas de prisão efetivas”, pode ler-se no comunicado da PJ. Os crimes praticados terão ocorrido quando o homem se encontrava em prisão preventiva, desconhece-se, no entanto, quando é que ocorreram. Nesta prática estão envolvidos outros reclusos e um funcionário do Estabelecimento Prisional, que também já foi constituído arguido.

 

 

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.