Presidente da República assinala 500 anos da Biblioteca Geral da Universidade de Coimbra no Facebook

Posted by

 

CAVACO SILVA

Pelas 22H00 de terça-feira, 12 de fevereiro, Cavaco Silva referiu no facebook da internet que ao “longo de cinco séculos, a Biblioteca da Universidade de Coimbra tem sido um lugar privilegiado de saber e de cultura, que surpreende os visitantes pela beleza ímpar do seu esplendor barroco”.

O Presidente da República deixou uma saudação à Academia de Coimbra “neste dia de festa e de reencontro com as suas raízes multisseculares”.

Para o Presidente, a Universidade de Coimbra “projeta-se atualmente como um espaço académico de referência em todo o mundo, particularmente na lusofonia”.

Numa carta enviada ao reitor da Universidade de Coimbra, Cavaco Silva tinha-se já congratulado com a celebração de uma data “tão importante” quer para história do país, quer para a história das instituições universitárias na Europa e no mundo.

Herdeira da Casa da Livraria, mencionada numa ata de 12 de fevereiro de 1513, quando a Universidade portuguesa funcionava em Lisboa, a Biblioteca Geral promove, a partir de hoje, um programa comemorativo do 500 anos, que termina com um congresso internacional em janeiro de 2011.

O Presidente da República destacou que a Biblioteca da Universidade de Coimbra tem sido um “instrumento privilegiado da cultura, do saber e da arte”, sobretudo “após a construção das magníficas instalações com que a dotou o rei D. João V”.

Cavaco Silva sublinhou ainda que passaram pela Biblioteca alguns “dos grandes mestres da Renascença europeia”, que nela estudaram “sucessivas gerações da elite nacional” e que nela se formaram muitos dos que “viriam a fundar e a contribuir para o desenvolvimento dos Estados que integram hoje a comunidade lusófona”.

2 Comments

  1. Há nitidamente aqui alguma confusão… embora a biblioteca geral da UC possa ser "herdeira" de uma Casa da Livraria de 1513, parece que o Presidente da República se está a referir à Biblioteca Joanina ("esplendor barroco"?)… Convinha que alguma voz esclarecida (eventualmente da Faculdade de Letras?) viesse a público lançar alguma luz…

  2. esclarecedor says:

    Este presidente é muito barroco nos seus conhecimentos, sem dúvida Ou será bacoco o termo correto?

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*