Câmara de Castelo Branco paga medicamentos a carenciados

medicamentos

A Câmara de Castelo Branco vai pagar despesas de medicamentos a pessoas desfavorecidas económica e socialmente, com idade igual ou superior a 65 anos, disse à Lusa o presidente do município local, Joaquim Morão.

O autarca revela que o objetivo da medida é “contribuir de forma concreta para a melhoria das condições de vida dos mais desfavorecidos e contribuir para a inclusão social”.

As despesas serão comparticipadas pelo município em 75% do valor não comparticipado pelo Estado, sendo que a comparticipação anual por beneficiário não pode exceder os 600 euros.

Joaquim Morão assegura que, a título excecional, a câmara poderá assegurar outras despesas de saúde, “incluindo as não sujeitas a receita médica, em igual percentagem”.

Texto de agência Lusa

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*