Divergência entre estudantes e reitor sobre propinas

Posted by

01 RICARDO MORGADO_LCA tomada de posse do presidente reeleito da Direção Geral da Associação Académica de Coimbra, Ricardo Morgado, ontem ao fim da tarde, foi ocasião para se vislumbrar desacordo entre os estudantes e o reitor da Universidade de Coimbra, quanto ao aumento das propinas.

Ricardo Morgado, num discurso de mais de uma hora, dirigindo-se a João Gabriel Silva disse: “Magnífico reitor: chega; a propina não pode aumentar nem mais um euro”. Em resposta, quando tomou a palavra, o reitor respondeu que “todos os orçamentos estão esticados ao limite e, portanto, se não houver atualização das propinas vamos ter de dialogar em conjunto para saber onde é que se vai cortar”. Neste contexto referiu-se à necessidade de requalificar o Estádio Universitário, para onde a DG-AAC se candidatou para realizar os Jogos Europeus Universitários 2016. Aludiu também à decisão de abrir em 2012 o Teatro Académico de Gil Vicente, com uma intensa atividade cultural durante o ano, que deverá ter continuação.

 

Ver versão completa na edição impressa

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*