Paulo Portas garante diplomacia económica para apoiar turismo

Posted by

Paulo Portas disse ontem em Coimbra que as embaixadas e os consulados portugueses têm ordens para abrir as portas a iniciativas de empresas que procurem o corpo diplomático para, nas respetivas instalações, apresentarem as suas marcas e produtos vocacionados para a internacionalização e exportações.

O ministro dos Negócios Estrangeiros disse isto ontem no primeiro dia de trabalhos do 38.º Congresso Nacional da Associação Portuguesa das Agências de Viagens e Turismo, a decorrer em Coimbra durante três dias, onde fez um discurso para explicar o conceito de “diplomacia económica”, opção política tomada pelo Governo que lhe foi atribuída por delegação do primeiro-ministro, segundo disse, onde se incluem as competências de comércio externo do país e atração de investimento estrangeiro.

Versão completa na edição impressa

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*