Movimento no porto da Figueira da Foz cresce em outubro apesar da greve

Posted by

O movimento de cargas no Porto da Figueira da Foz cresceu em outubro, cerca de quatro por cento, face ao mês de setembro, que foi um “mês fraco”. Este crescimento surge numa altura em que a greve de estivadores afeta alguns portos portugueses, entre ou quais o local.

No entanto, no cômputo geral, registou-se uma descida, no trimestre setembro/outubro/novembro, para a qual terão contribuído a greve e o abrandamento da atividade económica e das exportações (ver gráfico).

 

Ver versão completa na edição impressa

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.