PS de Miranda do Corvo critica regresso ao cargo de ex-administrador da Metro Mondego

Secretário de Estado dos Transportes, Sérgio Monteiro

O PS de Miranda do Corvo questionou hoje o regresso do social-democrata Carlos Ferreira à administração da Metro Mondego, cinco meses após ter renunciado ao cargo alegando “falta de respeito do Estado”.

“Cinco meses depois de se ter demitido, Carlos Ferreira foi novamente nomeado vogal não executivo do conselho de administração da Metro Mondego”, frisa a comissão política concelhia dos socialistas em nota de imprensa.

Salientando que “nada mudou nos últimos meses” na atitude do Governo em relação ao empreendimento público que visa implantar um sistema de metro ligeiro de superfície no Ramal da Lousã, em substituição do comboio, e na cidade de Coimbra, o PS critica o presidente da Concelhia do PSD por ter aceitado ocupar “mais um lugar de nomeação política”.

A agência Lusa tentou obter uma reação de Carlos Ferreira às críticas do PS, o que não foi possível até ao momento.

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*