Opinião – Reflexões

Posted by

Luís Santarino

RIAM-SE – Os Pais de “uns” alunos de um turma de uma escola da nossa cidade, enviaram uma carta insurgindo-se contra vários factos. Não se devem “dar aos alunos” dois testes diferentes de matemática, porquanto, é mais fácil, e passo a citar, “fazer uma conta a multiplicar por 2 e 5, do que por 6 e 7”! Uma pérola. Coisa que saber a tabuada não resolvesse. Agora chorem!

RIAM-SE DE NOVO – “- demos conta que alguns testes, dentro da mesma disciplina, começam com perguntas que colocam os alunos “mais à vontade”, outros o oposto; a matéria que sai é a mesma, mas as perguntas são bem diferentes”. Chorem de novo!

O MAIS ESPANTOSO – “Senão vejamos o comentário de alguns alunos da mesma turma com testes diferentes_ se me tivesse “calhado” o teu teste tinha negativa de certeza”; responde o outro “eu com o teu tinha tirado no mínimo um bom, como é que só tiveste suficiente?”. Isto na nossa Democracia é inconcebível! LAVEM-SE EM LÁGRIMAS!

AINDA MAIS ESPANTOSO – Pelo que solicitamos que estes erros sejam corrigidos já nos próximos testes. DERRETAM-SE A CHORAR!

AINDA MAIS…MAIS ESPANTOSO – Os pais não se identificam!

NO MESMO REGISTO – Sabiam que agora está na moda os Pais, ou paizinhos, como lhes queiram chamar, irem à escola acompanhados por um advogado?

NO MESMO REGISTO – Tinham ideia que seria possível um pai ou mãe irromper por uma sala com a aula a funcionar, para ir dar um recado ao filho?

ESCOLA PÚBLICA – Esta bandalheira tem de acabar. A bem ou a mal. Se o ministro não tem coragem, se os directores fecham os olhos e se os professores se acobardam, a falência está ao virar da esquina.

ESCOLA PÚBLICA – É uma indignidade o que estão a fazer aos professores. Curiosamente, com a conivência dos sindicatos. Também eles apostados, aparentemente, na falência de uma escola pública de qualidade.

ESCOLA PÚBLICA – Estará à venda? Haverá interesses obscuros? Não existem certezas. Talvez suspeitas. Aguardemos por próximos capítulos.

JOÃO GOUVEIA – Ter sido homenageado pelos “seus” bombeiros, é a demonstração do trabalho solidário que tem feito. Esperemos que o futuro presidente da autarquia se comporte da mesma forma.

O FIGUEIRENSE – Com os actuais proprietários vai terminar a sua publicação. Sendo que o Casino da Figueira da Foz é o seu mais importante investidor, significa que também essa actividade está pelas ruas da amargura? Se calhar está e eu não me apercebi!

PASSOS COELHO – Estou em desacordo com ele. Mas faça-se justiça. Assumir este tipo de governação, tendo tanta gente contra ele, é um acto de coragem. Até porque um dia, quando deixar de ser primeiro-ministro, não estará livre de levar umas latadas! Mas “lá que tem coragem” lá isso tem! Para quem não tem asas…

AAC.oaf – Todos perdemos, a cidade também, se não der um pontapé na crise de resultados. Voltar a estar perto da zona má é um mau sintoma. Espera-se uma reacção rápida e eficaz.

AAC/DIRECÇÃO GERAL – O futuro poderá não ser muito risonho. Talvez porque se cometeram demasiados erros no passado. Mas deverá existir vontade de mudar de estratégia. Que ganhe o melhor!

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.