“O setor da restauração afunda-se se o Governo teimar nos 23 por cento”

Posted by

O setor da restauração está de luto. Ontem, nem todos fecharam as portas, como foi defendido – e sugerido – pelo Movimento Nacional da Restauração. Mas todos se sentem solidários porque, estando metidos no “mesmo barco”, querem pressionar o Governo para baixar o IVA à taxa mínima.

José Reis, um dos rostos deste movimento em Coimbra, admitiu ao DIÁRIO AS BEIRAS que, se o Governo não alterar esta medida, “mais desemprego se vai registar em Portugal com muitos restaurantes a fechar as portas”.

“Estamos de luto no setor da restauração e exigimos mais respeito e as mesmas condições que foram criadas para outros empresários do setor da hotelaria”, afirma José Reis, sublinhando que “não se deseja o mal a ninguém, apenas tratamento igual” e condições para travar os despedimentos do pessoal e a perda de clientela.

Versão completa na edição impressa

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*