Hospital da Figueira da Foz vai criar unidade intermédia na Medicina Interna

Posted by

A curto prazo, o Hospital Distrital da Figueira da Foz (HDFF) vai criar uma Unidade de Internamento Intermédio na Medicina Interna, com três camas e permanência até cinco dias. Esta é “uma carência gritante”, disse ontem (quinta-feira) o presidente do conselho de administração, Adriano Rodrigues, falando na inauguração da Unidade de Internamento de Curta Duração (UICD), com 12 camas.

Ontem, foi também inaugurada a Galeria da Solidariedade. Trata-se de um espaço dedicado à exposição de obras de arte do acervo do HDFF e mostras temporárias. Porém, o principal “quadro” é aquele que inscreve o nome dos mecenas e apoiantes dos projetos da unidade de saúde apoiados pela Liga dos Amigos do hospital figueirense (LAHDFF). Aliás, a UICD foi comparticipada em 60 mil euros através daquele método, cabendo ao hospital investir 100 mil euros. António Guardado, presidente da liga, referiu-se à galeria como “um espaço de partilha”.

Desde que a atual administração tomou posse, há menos de um ano, entraram seis novos médicos e outros 10 serão contratados em breve. Entretanto, foram aplicados diversos investimentos na melhoria da qualidade dos serviços, estando agendadas mais medidas que visam o mesmo objetivo. Apesar da escassez dos recursos financeiros, disse o administrador: “acredito que somos capazes de levar a carta a Garcia”.

 

Ver versão completa na edição impressa

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.