Diário de S. Martinho do Bispo – Freguesia carenciada de acessibilidades a poente

Posted by

A freguesia de S. Martinho do Bispo precisa de uma via transversal, que ligue os Casais ao Espírito Santo das Touregas. Em tempos, chegou a estar programada uma estrada, passando pelas traseiras de Coalhadas, mas não saiu do papel.

Também a ligação a Santa Clara, pelo “interior”, continua à espera da “via estruturante, que chegou a fazer parte de sucessivos planos de atividade camarários.

No que respeita à estrada do campo, a junta de freguesia espera que o entendimento de princípio, entre a Câmara de Coimbra e o Instituto da Água, possa resolver o problema, designadamente da ligação entre a feira e os Casais.

Para o presidente da junta de freguesia, outra ligação que se impõe é a da Ponte dos Casais, na margem direita, à Cidreira. “Há muita gente que trabalha na parte norte do concelho e a quem dá muito jeito”, explica Antonino Antunes.

Para o autarca, a iluminação da via rápida foi uma grande mais-valia para a freguesia, pois era uma “velha aspiração há muitos anos esquecida e que, quando se concretizou, deu finalmente um aspeto de cidade”. Uma outra obra que foi importante para São Martinho, embora esteja fora dos limites da freguesia, foi a da variante ao IC2, pelo acesso ao Hospital dos Covões.

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.