Perda de apenas nove quilos pode ajudar a prolongar a vida dos obesos em dez anos

Posted by

 

 

 

Os indivíduos obesos ou com excesso de peso poderão ganhar dez anos de vida saudável se simplesmente perderem cerca de nove quilos, sugere um estudo apresentado na “American Psychological Association’s 120th Annual Convention”.

Para este estudo – citado pelo portal Alert – os investigadores da Brown University, nos EUA, contaram com a participação de três mil indivíduos com excesso de peso e com uma baixa sensibilidade à insulina.

O estudo apurou que os indivíduos que perderam, em média, cerca de seis quilos reduziram o risco de desenvolver diabetes tipo 2 em 58 por cento. Os investigadores constaram que os benéficos associados à perda de peso se prolongaram por mais de uma década, mesmo caso os indivíduos aumentassem de peso durante este período de tempo.

Ao longo do estudo, os participantes registaram tudo o que consumiam, tendo sido aconselhada uma diminuição do consumo de alimentos poucos saudáveis. Adicionalmente, os participantes praticaram exercício físico regularmente.

“Ajudar as pessoas a encontrar formas de alterar a sua dieta alimentar, a praticar exercício físico, bem como desenvolver estratégias não medicamentosas para reforçar um estilo de vida saudável tem um grande impacto na prevenção dos principais problemas de saúde deste país. A perda de apenas 10 por cento do peso de corporal também mostrou ter efeitos benéficos na apneia do sono, hipertensão e qualidade de vida, retardando também o declínio da mobilidade que ocorre ao longo do envelhecimento”, revelou, em comunicado de imprensa, umas das autoras do estudo, Rena Wing.

Atualmente, a investigadora está a liderar um estudo que conta com a participação de cinco mil indivíduos com diabetes tipo 2, o qual tem por objetivo verificar se uma intervenção comportamental intensiva pode diminuir o risco de enfarte agudo do miocárdio e acidentes vasculares cerebrais.

Rena Wing conclui que, com estes estudos, está assim a tentar demonstrar que as mudanças comportamentais não tornam apenas as pessoas mais saudáveis no que respeita à diminuição de fatores de risco como também podem aumentar a longevidade.

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Pode usar estas etiquetas HTML e atributos: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>