Acreditar em Portugal

Almeida Henriques

O difícil momento que Portugal atravessa é conhecido além fronteiras. Porém, o rigor e a coragem com que o Governo de Portugal e os portugueses têm enfrentado esta crise, bem como têm encarado a necessidade de apoiar e realizar as reformas essenciais em curso, tem também sido amplamente noticiado e reconhecido.

Portugal voltou à condição de bom aluno. Tem hoje um primeiro-ministro respeitado e o seu Governo tem merecido os maiores elogios por parte dos seus parceiros europeus.

E, de facto, com este caminho, com esta determinação, com estas políticas, os resultados começam a surgir.

Se do Governo chega o compromisso de elevado rigor no cumprimento das metas orçamentais acordadas com o FMI, Comissão Europeia e BCE, do exterior chegam sinais de confiança na economia portuguesa.

Ainda esta quarta-feira, enquanto Secretário de Estado da Economia e do Desenvolvimento Regional, tive o privilégio de lançar a primeira pedra do novo centro de logística da multinacional francesa Decathlon.

Estamos perante uma empresa estrangeira que, neste momento de crise, se dispôs a investir 30 milhões de euros em Portugal e a criar cerca de 420 postos de trabalho directos. Este investimento revela bem que a imagem que Portugal está a transmitir para o exterior é positiva, que os investidores estrangeiros voltam a ter confiança em Portugal, que se identificam com a visão que temos e com o caminho que traçamos.

É uma grande prova de confiança em Portugal, neste Governo, na economia portuguesa e nos portugueses.

Estamos, enquanto portugueses, cada vez mais seguros de que somos capazes de vencer as adversidades que atravessamos. Esta quarta-feira, a comunidade empresarial internacional voltou a acreditar em nós.

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*