CTT deixam de levar correio ao bairro de Paradinha por falta de acompanhamento da PSP de Viseu

Posted by

Foto Gonçalo Manuel Martins

O presidente da Câmara de Viseu, Fernando Ruas, anunciou que os CTT vão deixar de fazer distribuição no bairro social de Paradinha, por a PSP não continuar a disponibilizar agentes para acompanhar o carteiro.

O serviço de distribuição do correio no Bairro de Paradinha é, desde há cerca de um ano, possível apenas com a presença de agentes da PSP.

Em dezembro, o diretor do serviço de distribuição dos CTT de Viseu, José Pereira, explicou à agência Lusa que esta situação surgiu depois de diversas ameaças e tentativas de agressão ao carteiro responsável pela distribuição de correio naquele bairro.

“Acabei de receber uma posição dos Correios a dizer que, por força de a polícia não continuar a assegurar a sua ida, vão deixar de fazer a distribuição naquele bairro”, revelou Fernando Ruas aos jornalistas.

O autarca admitiu que se trata de um bairro “muito sensível” e, por isso, foi renovado o acordo de colaboração com a Cáritas Diocesana para o Centro Comunitário de Paradinha, que representa uma ajuda da Câmara de 17.500 euros.

“Temos consciência de que a Cáritas tem ali feito um papel extraordinário”, sublinhou, acrescentando que há muito anda “inquietado com a segurança do bairro”.

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*