Eduardo Lourenço surpreendido com Prémio Pessoa

Posted by

DR

Eduardo Lourenço ficou “estupefacto e surpreso” com o Prémio Pessoa, embora o considere “o mais justificado” de todos os que recebeu, por causa da importância que o poeta português tem para o seu percurso e para a sua obra.

“Estava tão longe de pensar que ainda ia receber um prémio deste género…”, disse o filósofo à Lusa a partir de Vence, nos Alpes Marítimos franceses, onde reside.

“Mas refleti melhor e acho que é, de todos os prémios que recebi, o mais justificado, por aquilo que tenho feito e escrito e sobretudo pela atenção à obra, à figura e ao destino de Pessoa e pelo que representou para mim”.

“Não foi a nossa geração que inventou Pessoa nem sei se precisava de ser inventado, mas foi a nossa geração que o converteu numa espécie de mito da nossa cultura, e até da cultura ocidental e para além dela”, afirmou.

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*