Pequenos furtos diminuem mas grandes assaltos crescem no distrito de Coimbra

Posted by

Ao contrário do que afirma o Barómetro Global do Furto no Retalho de 2011 – cujos números mostram que os pequenos roubos em estabelecimentos comerciais aumentaram mais de sete por cento em Portugal –, na região Centro o que cresce são os grandes assaltos e os crimes violentos.

Ao que o DIÁRIO AS BEIRAS apurou, as ocorrências menos significativas registaram um decréscimo de cerca de 40 por cento, no caso de Coimbra, entre setembro do ano passado e o mesmo mês de 2011. E não é porque as pessoas não tentem roubar, mas sim porque a segurança nas lojas, nomeadamente nos centros comerciais e grandes superfícies onde os pequenos furtos são mais recorrentes, está cada vez mais apertada.

Versão completa na edição impressa de 3 de novembro do DIÁRIO AS BEIRAS

2 Comments

  1. Henrique Costa says:

    É a política pedagógica da justiça em constantemente perdoar a prisão!

  2. Outra coisa não era de esperar com a justiça "pobre e podre" que temos em Portugal, com o desemprego a aumentar, cada dia que passa, a fome a apertar e muitas outras situações de desespero, cada vez há-de ser pior. É um salve-se quem puder…

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*