João Ataíde reitera oposição ao método da reforma administrativa

Posted by

Foto Jot'Alves

O presidente da Câmara da Figueira da Foz reiterou ontem a sua oposição ao método da Reforma da Administração Local. “O método põe em causa os objetivos”, frisou João Ataíde, defendendo que a reorganização do território deveria centrar-se nos municípios e não nas freguesias.

“Não se pode pôr condições pré-definidas para a obtenção dos objetivos”, enfatizou ainda, atirando que “a Reforma Administrativa pode gerar problemas porque não partiu do núcleo correto”. Se a proposta do Governo chegar aos municípios, João Ataíde sossega os figueirenses, ao sustentar que o concelho tem dimensão geográfica e demográfica para se manter como está.

Versão completa na edição impressa

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*