Filipa Vaz Serra bate com a porta na Paranova

Posted by

Foto Jot' Alves

A vogal da Paranova renunciou ao cargo devido a divergências com o presidente do conselho de administração.

Ao que o DIÁRIO AS BEIRAS apurou, Filipa Vaz Serra tomou a decisão porque Vítor Jorge se recusou fornecer-lhe informações sobre a empresa.

Mas esta terá sido a gota de água que fez transbordar um copo que há muito se encontrava no limite da sua capacidade.

Versão completa na edição impressa  de 9 de novembro do DIÁRIO AS BEIRAS

2 Comments

  1. Há pessoas que não gostam de ser questionadas e/ou muito menos gostam, de pessoas que demonstrem interesse em se colocarem a par do que se passa no local que dirigem/presidem/regem… Porque será?? Terão medo de quê??Mas o mais triste de se ver é que, no final de tudo quem tenta inteirar-se do que quer que seja, denuncie algo que esteja menos correcto, no final, ainda sai o/a má/mau da fita.

  2. a camera da figueira no seu melhor vejamos o seguinte trajeto filipa vaz serra adiministradora.competente. justa,trabalhadora,honesta e isenta de compadrios e tachos,toalmente contra a corrente daquilo que e o presidente da camera e o reformado da edp.quepor ele foi nomeado. poderia esta vivendo da sua reforma,que nao deve ser pouca.foi para a empresa, figueira domus persegui pessoas jovens com ideias para o futuro.semeando discordia,falta de respeito para com o proximo e ajudando pesoas mau carater dentro da empresa.pessoas que para elas os fims justificam os meios. pessoas que querem, e vao consegui que a figueira domus volte os tempos das cervejas e das patuscadas. tem a palavra o sr.presidente da camera se tiver. coragem

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*