Mergulhador morre na ria de Aveiro em circunstâncias por esclarecer

DR

Um homem de 45 anos morreu esta quinta-feira (6), em circunstâncias ainda por esclarecer, quando estava a fazer mergulho na ria de Aveiro, informou o comandante da Capitania do Porto de Aveiro, Coelho Gil.

“Trata-se de um homem residente na Murtosa, que saiu de casa de manhã para ir mergulhar na ria e não regressou”, adiantou a mesma fonte. Estranhando a demora do mergulhador, a família deu o alerta do seu desaparecimento pelas 16H00.

A Marinha enviou então duas embarcações para o local e, com a ajuda de pessoas que tinham estado com o homem a mergulhar, acabaram por localizar o cadáver num canal da ria de Aveiro, a sul do bico do Muranzel, no concelho da Murtosa.

“O corpo foi encontrado já sem vida, cerca das 18H00, no fundo da ria”, adiantou o comandante Coelho Gil, acrescentando que será preciso aguardar pela autópsia para saber em que circunstâncias terá ocorrido a morte.

O cadáver do mergulhador já foi recolhido.

2 Comments

  1. Mais um desagradável acontecimento. Uma perda insuportável… Que descanse em paz…

  2. por veses fasem-se coisa inssuportaveis este homem nao tinha pratica no mergulho e logo ao 2º dia que mergulha na sua vida atirasse assim para a agua sosinho!!! que deus o proteija a ele e a todos os mergulhadores desta… que por veses corremos tanto risco para ganhar dinheiro que nem nos lenbramos do que estamos a faser de baixo de agua!

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*