Câmara da Figueira da Foz premeia ideias para a requalificação do areal

Posted by

 

Foi apresentado ontem (28) o concurso de ideias para a requalificação e reordenamento do areal e frente de mar da Figueira da Foz e Buarcos.

O objetivo principal, adiantou João Ataíde aos jornalistas, é marcar a agenda da revisão do Plano de Ordenamento da Orla Costeira.

Por outro lado, o presidente da câmara aduziu que as ideias selecionadas pelo júri devem ser exequíveis e, sobretudo, sustentáveis. A Ordem dos Arquitetos presta apoio técnico na seleção.

Pedro Machado participou na apresentação e elogiou a iniciativa da edilidade figueirense. Segundo o presidente do Turismo Centro de Portugal, encaixa-se no princípio pensar global, planear regional e agir local.

O concurso internacional de ideias para o areal Figueira/Buarcos é lançado no início de setembro e tem um prazo de 75 dias. O primeiro classificado recebe 30 mil euros, o segundo 20 mil e o terceiro 10 mil. Ficam ainda reservados seis mil euros para três eventuais menções honrosas.

As verbas são provenientes das contrapartidas da zona de jogo (casino), através do Turismo de Portugal – nos últimos 10 anos, a autarquia recebeu cerca de 70 milhões de euros daquela fonte. A apresentação da iniciativa da edilidade figueirense decorreu no Largo da Má-Língua, em Buarcos.

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*