Melhor educação em Portugal: uma realidade!

Os resultados foram dados a conhecer em Dezembro último e não deixam dúvidas: a Educação em Portugal está melhor! O esforço e a aposta do Governo do Partido Socialista na Educação está a dar os seus frutos e os resultados estão à vista de todos.

O relatório da OCDE – Organização de Cooperação e de Desenvolvimento Económico – relativo aos testes PISA de 2009 regista uma subida apreciável da literacia dos jovens portugueses relativamente ao teste anterior (2006). O relatório PISA 2009, que testa os conhecimentos dos alunos de 15 anos nas áreas de leitura, matemática e ciências, colocou pela primeira vez Portugal perto da média dos países participantes no Programa Internacional de Avaliação de Alunos e na mesma categoria que os Estados Unidos, Suécia, Alemanha, Irlanda, França, Dinamarca, Reino Unido, Hungria e Taipei. Portugal ocupava o fundo da tabela nos relatórios anteriores e desta vez aproximou-se da média dos países da OCDE, ultrapassando, por exemplo, a Espanha.

Houve, naturalmente, quem quisesse desvalorizar ou incitar dúvidas sobres estes números, mas estamos a falar de uma organização com prestígio e notoriedade inegáveis. A OCDE é uma organização internacional de 34 países que aceitam os princípios da democracia representativa e da economia de livre mercado. Os membros da OCDE são economias com um alto índice de desenvolvimento humano e são considerados países desenvolvidos. Tem por objectivos apoiar um crescimento económico duradouro, promover o emprego, elevar o nível de vida, manter a estabilidade financeira, ajudar os outros países a desenvolverem as suas economias e contribuir para o crescimento do comércio mundial.

Face às dúvidas levantadas por alguns, a OCDE assegurou que a escolha das escolas e dos alunos que participaram foi efectuada de forma aleatória, respeitando os critérios estatísticos de representatividade, sem interferência do Governo na escolha das escolas e dos alunos. Para este crescimento muito contribuiu, sem dúvida, a aposta do Governo na Educação, através da reorganização da rede escolar e a requalificação do Parque Escolar. Os novos Centros Escolares trouxeram melhores condições de ensino para alunos e docentes. O Governo lutou por um ensino melhor e conseguiu, apesar de todas as adversidades desta crise mundial. E é por melhores condições de ensino que se devem debater os políticos e os autarcas, captando para os seus concelhos investimento e modelos de sucesso educativo. Esta é uma luta de todos, porque o futuro está na Educação!

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*