Câmara da Figueira dá luz verde a empréstimo de 31 milhões de euros

Posted by

A proposta para a contração do empréstimo de 31 milhões de euros, que se destinam ao Plano de Saneamento Financeiro (PSF), foi aprovada ontem, na reunião de câmara. O empréstimo vai ser concedido por três instituições bancárias: Caixa Geral de Depósitos (16 milhões de euros), Banco Português de Investimento (10 milhões) e Banco Espírito Santo (cinco milhões).

Segundo o presidente da câmara, João Ataíde, a proposta é exequível, no âmbito do PSF. Os encargos bancários dos 31 milhões de euros são de 6.75 – 5,5 por cento de spread (margem de lucro dos bancos) e 1,25 de taxa de juros. O empréstimo tem um prazo de pagamento de 12 anos, a partir de abril deste ano, e o período de carência é de dois anos.

Não obstante a taxa de juro “manifestamente elevada poder assustar”, disse o vereador social-democrata Miguel Almeida, a vereação “laranja” encarou a viabilização da proposta como o único caminho. Até porque, lembrou ainda, “o PSF foi aprovado com base neste empréstimo”. A oposição – PSD e Figueira 100% – absteve-se.

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*