Responsabilidade acrescida para 2011

Poupar, Gerir, Inovar e Empreender são as palavras de ordem para 2011. Vem aí o novo ano e os portugueses têm que se convencer que para ultrapassar a tão falada crise é preciso responsabilidade e rigor. O Governo de José Sócrates enfrenta a difícil tarefa de voltar a pôr o país na linha da frente.

Nem sempre as medidas mais populares são as mais indicadas para o país.

É preciso ser rigoroso e dizer NÃO a tudo o que possa pôr em causa um Futuro brilhante como outrora foi o passado do Povo Português.

Sem dúvida, a crise sentida em todo o mundo afecta o nosso tecido empresarial, mas não podemos ficar à espera que, por magia, tudo se recomponha. É preciso ser pró-activo, inovar e empreender.

Torna-se urgente incentivar o aumento do tecido empresarial para que as empresas se instalem nas regiões do interior. Todos os autarcas têm um papel fundamental nisto e gerar emprego deve ser uma prioridade para 2011. Fomentar a economia local e promover maior produção de riqueza no país é um dever de todos.

Neste novo ano que se avizinha é fundamental investir, canalizar os recursos financeiros para projectos que aumentem a qualidade de vida das pessoas e apostar nos mercados internacionais. É preciso poupar e ser socialmente responsável, o interesse público deve estar sempre em primeiro lugar. É preciso ser transparente e honesto, pois todos temos consciencia que a situação política e económica do país é delicada.

Cabe-nos a também a nós, autarcas, juntamente com o Governo central, assumir um papel pró-activo e determinante, não medindo esforços, para alcançar o sucesso económico do nosso município. Todos juntos podemos alcançar um país de sucessos.

Boas Festas!

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*