O Natal com Torga

Posted by

“De sacola e bordão, o velho Garrinchas fazia os possíveis para se aproximar da terra. A necessidade levara-o longe de mais. Pedir é um triste ofício, e pedir em Lourosa, pior. Ninguém dá nada. (…)”.
Começa assim “Natal”, um dos mais belos contos escritos sobre a noite que continua a iluminar o mundo e o coração de alguns homens e mulheres há uns dois mil anos. Torga em toda a sua grandeza, num dos textos que integra o livro “Novos Contos da Montanha”…
Seria demais pedir um favor? Que tal “trocar” este “Natal” por todos os inúmeros e bem intencionados textos que gente que sabe escrever e outra nem tanto escreve à exaustão nestes dias  de advento? Quem aceitar a troca, saiba que fica a ganhar. E quanto!
Já agora, que tal ler “Natal” na casa que viu Torga escrever muita da sua obra? Fica em Coimbra e está de portas abertas aos que quiserem desvendar um pouco mais do mundo do escritor definitivamente marcado pela dureza e magnificência das serranias transmontanas.
Aos mais pequenos, a Casa-Museu Miguel Torga, em Coimbra lança um desafio especial: “O Natal com Torga”, um conjunto de oficinas integrado no seu serviço educativo, que está a decorrer até 30 de dezembro, destinado a crianças entre os oito e os 12 anos.
De acordo com uma nota da casa-museu, a iniciativa – preferencialmente direcionada para crianças e jovens de instituições de solidariedade – tem como ponto de partida a descoberta do mundo do escritor, através de variadas propostas de trabalho lúdicas e divertidas: Quem é Miguel Torga? (introdução biográfica através da leitura de excertos da obra “Criação do Mundo” e de um auto-retrato dactiloscrito e acrescentado à mão pelo próprio autor, publicado na “Fotobiografia” de Clara Rocha); Conto de Natal (ateliê de leitura e interpretação da narrativa: conto “Natal”, de “Novos Contos da Montanha”); Espalhar o Natal (ateliê de expressão plástica onde cada criança e jovem poderá conceber um postal de Natal, com um poema natalício da autoria de Miguel Torga). A finalizar a tarde, a tarefa é fazer um presépio de cartolina com imagens impressas.
Cada grupo tem um número limite de seis participantes por oficina, ainda de acordo com a nota. O serviço educativo da Casa-Museu Miguel Torga tem acesso gratuito. Mas é necessário efetuar inscrição através de um formulário facultado na Casa Municipal da Cultura (à rua Pedro Monteiro, telefone 239 702 630), no seguinte horário: de segunda a sexta-feira, das 09H00 às 19H30; aos sábados, das 13H30 às 18H30 (encerra aos domingos e feriados).

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*