Mangualde e Nelas terão postos de atendimento do Exército

Os concelhos de Mangualde e de Nelas, no distrito de Viseu, vão ter postos de atendimento do Exército português, no âmbito de protocolos a assinar hoje à tarde.

Os postos de atendimento funcionarão nas instalações das câmaras municipais. Os protocolos terão um período experimental de três meses e depois a duração de um ano, renovando-se automaticamente por iguais períodos.

O presidente da Câmara de Mangualde, João Azevedo, disse à agência Lusa que o objetivo é “divulgar e dar respostas diretas às pessoas sobre o que é o Exército em Portugal”, através de um funcionário da autarquia que receberá formação específica.

O autarca considerou que, desta forma, a autarquia passa a dar dois contributos: “ajudar o Exército no recrutamento de pessoas e, ao mesmo tempo, arranjar soluções de empregabilidade” para os munícipes.

“Ao não terem grande informação, as pessoas por vezes ficam condicionadas a uma ideia diferente que têm do que são as Forças Armadas e acabam por se perder excelentes valores”, disse.

Na opinião de João Azevedo, este é “mais um serviço de proximidade que a autarquia vai disponibilizar, aproveitando os quadros que tem e contribuindo assim para o desenvolvimento do país”.

Estes protocolos inserem-se na estratégia de recrutamento contínuo de voluntários, que visa assegurar a disponibilidade de recursos humanos qualificados e a divulgação da prestação de serviço militar em Regime de Voluntariado e em Regime de Contrato.

Por outro lado, têm como objetivo prestar esclarecimentos no âmbito das obrigações militares, nomeadamente sobre recenseamento militar, o Dia da Defesa Nacional, certidões militares, segundas vias de cédulas militares, contagens de tempo de serviço e requerimentos para complemento de pensão e reforma dos ex-combatentes.

Ao Exército cabe dar formação aos recursos humanos das autarquias sobre a divulgação do serviço militar e os assuntos relacionados com as obrigações militares dos cidadãos e disponibilizar à Câmara Municipal todos os meios de divulgação do serviço militar, bem como outras informações relativas às obrigações militares dos cidadãos.

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*