Fundo solidário já pagou propinas a quatro alunos

A Universidade de Coimbra uniu-se ao Instituto Justiça e Paz e a outras entidades para ajudar estudantes carenciados. O projeto Fundo Solidário já conseguiu apoiar quatro estudantes da instituição universitária, através do pagamento das propinas, possibilitando que prossigam os seus estudos.

A situação, infelizmente, não é nova, mas tem vindo a agudizar-se nos últimos anos. As universidades estão a registar um aumento das desistências de alunos, ao mesmo tempo que são cada vez mais os estudantes que não conseguem pagar as propinas e pedem apoios extraordinários.

Como muitos dos projetos sem fins lucrativos, também o Projeto Fundo Solidário nasceu de pequenos diálogos, iniciados em Maio, sobre as dificuldades e necessidades financeiras sentidas pelos estudantes universitários, e concretamente os estudantes da Universidade de Coimbra. Neste projeto estão envolvidas entidades da ligadas a todo percurso o académico e às suas necessidades, como o Provedor do Estudante, o Administrador dos Serviços de Ação Social, o Departamento Académico, mas também entidades apoiam “aqueles que apresentam dificuldades diárias de subsistência, como é o caso do Centro de Acolhimento João Paulo II, e ainda o Instituto de Emprego e Formação Profissional, na perspetiva de encontrar possibilidades de trabalho”, referem os mentores da iniciativa.

Quem pretender ajudar, pode fazê-lo utilizando a conta bancária Instituto Justiça e Paz Fundo Solidário, aberta com o NIB 0033 0000 45391889432 05 (Millenium BCP).

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*