Rui Rio diz que a situação do país “é francamente preocupante”

O presidente da câmara da Porto, Rui Rio, considerou que “não há hipótese de ter um bom Orçamento” e lamentou o estado a que chegaram as contas públicas. Falando aos jornalistas como economista, à entrada para uma reunião do conselho de opinião do PSD de Coimbra, em que foi orador, o autarca da Invicta disse que a situação do país “é francamente preocupante” e que “o Orçamento, para não dizer muito mau, é mau”.

“Há hipótese de fazer um mau Orçamento de diversas formas. Infelizmente, face a todos os erros que Portugal cometeu, agora não há outra forma que não seja apertar o cinto e passar algumas privações”, sublinhou o social democrata.

Recusando-se a comentar o desenrolar das negociações entre Governo e PSD, Rui Rio alertou: “Se não passarmos as privações já, vamos ter problemas no futuro muito maiores. Bom era já as termos passado há dois ou três anos atrás e ter-se-ia evitado esta situação.”

“Infelizmente para Portugal, não há hipótese de ter um bom Orçamento. Agora há muitas formas de fazer um mau Orçamento, não há só uma”, acrescentou o autarca do Porto, que considerou “lamentável” o ponto a que se chegou nas contas públicas.

Para o antigo dirigente do PSD, “quanto mais tarde tomarmos as medidas é evidente que pior vão ser as medidas”.

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*