Quem tem medo do Lobo mau?

Depois da goleada na 1.ª ronda do Nacional da 2.ª Divisão/série A, a Académica conheceu este fim-de-semana a primeira derrota na competição.

A equipa orientada por Tó Coelho perdeu (5-1) na deslocação ao Covão Lobo e caiu alguns lugares na classificação. Ao contrário do jogo inaugural, os estudantes falharam na concretização, sem a necessária pontaria para dar a volta ao resultado negativo. Ao intervalo, a Académica já perdia por 2-1 e entrou para o 2.º tempo disposta a inverter a situação. No entanto, a estratégia não se concretizou e foram os locais que dilataram a vantagem, com mais três golos.

Na próxima jornada, os academistas voltam a casa, para receber o Bom Pastor.

Na série B, S. João e Boa Esperança também tiveram jornada negativa e não aproveitaram o “fator casa”, perdendo os respetivos confrontos. Isto, apesar de o S. João não poder ainda jogar no seu pavilhão, uma vez que se encontram em marcha obras de substituição do piso.

Não está fácil a vida para os homens de Ricardo Soles, que ainda não conseguiram pontuar na estreia na 2.ª Divisão.

Quanto ao, também estreante, Bairro da Boa Esperança, de Castelo Branco, depois da vitória na 1.ªjornada, a derrota com o Operário vem na pior altura, antes da receção ao atual líder, o Cascais, que soma 12 golos marcados e apenas um sofrido.

Já no que respeita à 3.ª Divisão Nacional, o CRI Alhadense retificou o resultado da ronda inicial e somou a primeira vitória (4-2) na prova, na receção ao FC Azeméis. Já o Vilaverdense voltou a não facilitar e venceu (5-4) na visita ao AM Portela. Neste momento, a equipa do concelho da Figueira da Foz ocupa 3.º lugar da classificação, com os mesmos pontos do líder Venda Nova, mas com desvantagem no goal-average.

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*