Jorge Costa não vai brincar a Arouca

Chegar à final da Taça da Liga e, ainda por cima, em casa, é motivação para qualquer equipa.

Jorge Costa frisa o sentido de responsabilidade: “É um motivo de orgulho extra para clube e cidade mas isso em nada altera os nossos objetivos e o que são as nossas obrigações”, esclarece. O jogo é para ganhar e não se pense que o técnico vai “rodar”…

Há sim alterações, mas forçadas, exceção feita à possível oportunidade dada a Ricardo, que pode vir a ser o titular das taças. Pape Sow deve mesmo estrear-se, depois de ter estado lesionado, até porque não há ninguém para o lugar de Nuno Coelho, que está nos sub-23 com Éder. Grilo só chega hoje dos sub-20.

Mais à frente, Diogo Gomes, que até começou a época a titular, deve recuperar a condição, ao lado de Diogo Melo. Outra novidade tem lugar no “tridente” ofensivo. Júnior Paraíba vai entrar para o lugar de Sougou.

O senegalês está lesionado, assim como Laionel e Sissoko, as outras opções para o lugar e o brasileiro já deu mostras que faz todas as posições da frente. Pode bem ser a oportunidade que o jovem ex-Grémio Anápolis estava à espera.

Jorge Costa já viu o Arouca ao vivo e no DVD e nem as muitas lesões o preocupam: “Tenho jogadores que me dão garantias de conseguir um bom resultado na primeira mão para depois resolver na segunda”.

One Comment

  1. Pingback: Académica: Carreño é a novidade para a Taça da Liga – Mais Futebol | Casa de Apostas

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*