De Coimbra a Lisboa à velocidade… da imaginação

Posted by

No Dia Mundial do Idoso e com o centenário da implantação da república no horizonte, a Câmara de Coimbra homenageou quatro mulheres que atingiram a bonita idade de… 100 Primaveras.

O programa começou no Salão Nobre, com a intervenção do vice-presidente da autarquia, João Paulo Barbosa de Melo, o convívio com as novas gerações, um saboroso bolo e um “belo poema”.Mais tarde, à entrada do edifício, num Ford A de 1928, Ascenção Cardoso, Angélica Duarte, Maria Nunes e Conceição Vieira recordaram os bons velhos tempos.

Uma das homenageadas sugeriu uma viagem a… Lisboa! Mas o Ford A continuou impávido e sereno… Para animar “a viagem”, João Garcia ligou o corta-corrente, dando vida à buzina A característica rouquidão do engenho foi saudada pela assistência e um dos espetadores, unido pelo branco dos cabelos às “grandes mulheres”, garantiu “a pés juntos”: “estão cheias de dinheiro, sabem quanto custa esta máquina? Não? Eu digo: milhões de contos!”. À margem do anúncio milionário, alguém corrigiu o papel moeda (“são euros, seu nabo!) e o Ford A “acelerou” para o fim da viagem. Mas elas não foram na “finta” e quando as convidaram a sair, afinaram o protesto: “já? Mas ainda não saímos daqui!?”.

João Paulo Barbosa de Melo participou (divertido) na fotografia de “família” e Isabel Velindro, técnica superior da autarquia, “ajudou à festa”. À tarde, a ida à discoteca Broadway completou o programa. A iniciativa da autarquia não é caso único, garante Isabel Velindro, que através do levantamento que efetuou, descobriu quatro mulheres e um homem na mágica fronteira dos 100 anos.

O pelouro do Desporto, com Luís Providência “a par de tudo”, também contribui para a saúde dos “nossos idosos”. Quando assim é, a idade não pesa…

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*