“Basta de prejuízos para arroz nacional”

Posted by

Carlos Laranjeira reassume o cargo de perito nacional para o arroz em Bruxelas. Reconhecendo que o momento é extremamente delicado, o homem do arroz do Baixo Mondego desafia os parceiros a preparar a chegada da nova PAC prevista para 2013. “É preciso muito trabalho para não sermos os únicos prejudicados com a crise mundial”, alerta.

Enquanto perito, Carlos Laranjeira, que recentemente deixou a direção nacional da AOP, vai dar pareceres e procurar influenciar a Comissão de Agricultura.

“Tenho a consciência de que Portugal é um país pequeno e o seu peso não é muito significativo no setor do arroz, ocupando o terceiro lugar juntamente com a França”, explica, admitindo que “é preciso muita actividade e um aproveitamente sério do saber de experiência feita adquirida ao longo de 32 anos”. Um conhecimento que, como faz questão de sublinhar. também se faz de “relações muito próximas, especialmente, com os parceiros espanhóis, que estão em segundo lugar, e com os franceses”.

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*