Tentativa de assalto nas instalações da Prosegur em Taveiro

Seis homens armados tentaram esta madrugada assaltar a empresa Prosegur em Taveiro, destruindo parcialmente as instalações como disse uma fonte da GNR.

Os homens encapuçados entraram na última madrugada, cerca das 04H15, na área privada adjacente ao edifício da empresa de segurança Prosegur, tendo derrubado um muro com uma viatura pesada e danificado uma parede das instalações.

A cabine do camião incendiou-se de seguida, aparentemente devido aos embates, adiantou a fonte da GNR de Coimbra, indicando que “não foi roubada qualquer quantia de dinheiro”, segundo a administração da empresa.

A fonte da GNR disse que “um dos assaltantes, que fazia segurança utilizando uma arma de guerra, ameaçou de morte um funcionário da VASP”, distribuidora de jornais e revistas que tem também instalações na Zona Industrial de Taveiro.

“Um dos assaltantes foi visto a sair do local com uma mala de ferramenta na mão e a coxear, tudo indicando que ficou ferido”, adiantou.

Os assaltantes conseguiram depois fugir em viaturas.

Uma fonte dos Bombeiros Sapadores de Coimbra (BSC) disse à Lusa que o camião usado no assalto seria roubado e pertence à Redevias, uma firma de construção da Redinha, em Pombal.

O fogo foi combatido por 10 bombeiros, apoiados por duas viaturas, que concluíram os trabalhos às 06H00.

A investigação está a ser liderada pela Polícia Judiciária, envolvendo ainda o Núcleo de Investigação Criminal da GNR de Coimbra.

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*