Autarca acusa DREC de não cumprir a lei em Arganil

Posted by

Apenas duas turmas, uma delas com 25 alunos e onde existe um menino com necessidades educativas especiais (nee), é a proposta que a Direcção Regional de Educação do Centro (DREC) fez aos pais dos alunos do 1.º Ciclo de São Martinho da Cortiça, Arganil.

Como a lei determina que as turmas onde exista um aluno nee não podem ter mais que 20 alunos, os encarregados de educação rejeitam este figurino e reclamam a contratação de um docente, para além dos dois que leccionam no centro educativo, aliás como aconteceu no último ano letivo. O próprio presidente da Junta de São Martinho da Cortiça, Rui Franco, que até agora tentou promover o diálogo com a tutela, diz que “não concebemos que quem faz as leis não as cumpra”, acrescentando que “isto tornou-se uma questão de prepotência da DREC, que nem sequer se dignou a responder ao ofício da junta”.

O autarca considera inexplicável o que está a acontecer porque ainda há dois anos o então secretário de Estado da Educação, Valter Lemos, inaugurou as instalações, reconhecendo que este centro escolar é de excelência. Com quatro salas de aula (equipadas com quadros interativos), “há duas que vão ficar às moscas”, lamenta Rui Franco, mostrando-se incondicionalmente ao lado dos pais, que hoje deverão apresentar uma providência cautelar para suspender a decisão da DREC de reduzir todo o universo de alunos a apenas duas turmas.

O presidente da junta afirma que “isto não é uma questão de capricho destas gentes, é uma questão legal”, lamentando, a aconcluir, “que no meio disto tudo quem fica a perder são as crianças”.

2 Comments

  1. Pois estou plenamente de acordo pois não devemos baixar as mãos, devemos lutar por aquilo que nos é de direito e vamos até as ultimas .
    Pois se for preciso vamos para a porta da DREC…Pedir o que nos é por direito.

  2. Pois eu concordo contigo Adelaide, não podemos baixar os braços temos de levar isto até ao fim.

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*