À procura de uma “chance”

Foto de Gonçalo Manuel MArtins

Qual é o sonho de qualquer miúdo que gosta de futebol? Ser jogador profissional… Samuel Garrido não foge à regra. Aos 21 anos, um concurso promovido pela marca desportiva Nike deixou-lhe entreaberta uma (gigante) porta para o mundo… do futebol. Só falta entrar com os dois pés. É o quinto futebolista com mais fãs de todo o mundo neste concurso. “The chance”, ou, em português, “a oportunidade” dá a jovens futebolistas a possibilidade de serem seleccionados para participar na Nike Academy, em Inglaterra e serem treinados por profissionais –numa parceria entre a marca e a liga inglesa.

O concurso começou a ser divulgado cerca de um mês antes do Mundial. “Não sabia em que consistia e foi a minha namorada que disse que tinha de pôr vídeos… perdi o interesse. Uns dias mais tarde, criei a página de madrugada e quando acordei já tinha mais de 200 fãs. Fiquei logo entusiasmado…”, contou, ao DIÁRIO AS BEIRAS, o jovem de Casével, no concelho de Condeixa.Depois do entusiasmo inicial, os números foram crescendo, “com ajuda de cinco ou seis amigos”. Depois, até Cristiano Ronaldo (o ídolo de Samuel), na sua página pessoal do facebook, fez referência ao jovem conimbricense. “Reparei que há jovens espanhóis e portugueses, tais como Hala Garrido e Victor Munoz que estão a lutar por encontrar um lugar entre os melhores no The Chance. O nível é elevado”, disse o “galático”.

Há cerca de três semanas, Samuel esteve entre os 10 portugueses selecionados para os testes no Estádio Nacional do Jamor, com treinadores do Nike Chance. Agora, Inglaterra está mais perto, mas há um senão. Está estipulado que só um português será escolhido para estar entre os 100… e apesar de Samuel ser o 5.º mais votado do mundo, um jovem de Santarém tem mais votos e está no 4.º lugar na votação mundial.

Do futebol ao futsal

Samuel tem 21 anos, começou a jogar aos seis no Clube de Condeixa e depois passou por Académica, Vigor e U. Coimbra. Mais tarde, aos 18 anos, mudou-se para o futsal, em Vilarinho do Bairro, no escalão mais alto do futsal de Coimbra. Esta época, deu o “salto” para o S. João, da 2.ª Divisão de futsal. “Vou para a minha terceira época de futsal… mas fiz toda a formação em futebol de 11. As minhas qualidades para o futebol de 11 continuam lá…”, assegura o jovem, questionado sobre as diferenças das modalidades.

Num ou noutro desporto, o sonho de Samuel é “atingir o profissionalismo”. Assegura que, neste momento, “a cabeça está apenas e só no S. João e no futsal, mas tudo isto se passou tão rápido que agora não sei o que pode acontecer”.

Ainda não é fã?

“É um sonho que venho a trabalhar desde os seis anos e quanto mais pessoas tiver a apoiarem-me maior é a probabilidade de o conseguir”. Fica o apelo do Samuel. Para ajudar, basta clicar em “gosto”, no Facebook, na página http://www.facebook.com/pages/Hala-Garrido/129318917091496 ou através do link na página http://www.nike.com/nikefootball/write-the-future/players

3 Comments

  1. gabri_ella says:

    estamos aqui para apoiar o Samuel! =)

  2. Vamos Samuel…RI está contigo!

  3. Go go Samuel : )
    Adorei ler a entrevista : )

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*