Banda precisa de instrumentos e fardas

Posted by

Músicos e maestro ouviram elogios na cerimónia de comemoração de mais um aniversário da colectividade. A Sociedade Filarmónica de Tinalhas (SFT) necessita de adquirir instrumentos musicais e renovar o seu fardamento.

O apelo partiu de Mário Apolinário, presidente da direcção da SFT, durante as comemorações do 182.º aniversário da instituição, que decorreram a 1 de Agosto. “Estou convicto de que este apelo será correspondido pelas entidades que nos têm apoiado”, nomeadamente a Câmara Municipal de Castelo Branco e a Junta de Freguesia de Tinalhas, afirmou.

Para o responsável pela filarmónica, os executantes, na sua maioria jovens, são a “mola real” desta causa nobre. “É gratificante ser músico e servir a instituição, contribuindo para a nossa riqueza cultural, ocupando os jovens e evitando que sigam caminhos sinuosos”, sublinhou.

Bastante satisfeito pelo trabalho desenvolvido por todos aqueles que se dedicam à SFT, Mário Apolinário disse estar orgulhoso por dirigir uma instituição onde pais, filhos e outros familiares fazerem parte da filarmónica tinalhense. “Este é um verdadeiro sinal daquilo que nos une, nesta nobre causa”, disse o dirigente, que teceu rasgos elogios ao maestro Pedro Ladeira, um jovem com “enorme talento”

Afinando pelo mesmo diapasão, José António Apolinário, presidente da Junta de Freguesia de Tinalhas, manifestou a sua enorme satisfação pelas comemorações dos 182 anos de existência da filarmónica, classificando a banda de Tinalhas como a “melhor” entre as cinco do concelho de Castelo Branco.

Presente nesta cerimónia, o vereador da Câmara Municipal de Castelo Branco, Luís Correia, endereçou os parabéns à instituição, considerando este aniversário como um “dia importante” para a freguesia de Tinalhas. “Pela sua juventude, pelo seu empenho e trabalho desenvolvido, a instituição, merece todo o nosso carinho”, disse o autarca.

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*