GNR da Guarda detém 19 indivíduos em flagrante delito

Posted by

Foto Gonçalo Manuel Martins

O Comando Territorial da GNR Guarda anunciou a detenção, na última semana, de 19 indivíduos em flagrante delito. De acordo com as autoridades, foram ainda elaborados 275 autos, a maioria por infracções à legislação rodoviária. Maioria dos crimes está relacionada com infracções rodoviárias, nomeadamente condução sob efeito de álcool.

O Coronel Monteiro Antunes, comandante distrital da GNR, revelou que, dos 19 detidos, sete cometeram crime de condução sob o efeito do álcool (com taxas de alcoolemia entre 1,28 e 3,13 g/litro de sangue) e três conduziam sem habilitação legal. Foram ainda detidos dois indíviduos por furto em estabelecimento comercial, dois por crime relacionado com emigração, dois por crime de cultivo e tráfico de estupefacientes, dois por crime de caça ilegal e um por violação de domicílio.

Na sexta-feira passada, o Comando Territorial da GNR desenvolveu uma operação de prevenção da criminalidade nos concelhos de Sabugal, Seia, Gouveia, Celorico da Beira, Aguiar da Beira e Trancoso, com particular incidência na fiscalização de estabelecimentos de diversão nocturna e fiscalização rodoviária.

No âmbito daquela operação foram inspeccionados sete bares e controladas 31 pessoas. Duas delas foram detidas por permanência ilegal no país, uma foi notificada para abandonar Portugal e outras duas foram notificadas para se apresentarem no Serviço de Estrangeiros e Fronteiras para regularizarem a sua situação.

No âmbito da fiscalização rodoviária foram fiscalizados 33 condutores e respectivos veículos, sendo detidos quatro: três por condução sob o efeito do álcool e um por posse de oito gramas de haxixe (equivalente a 40 doses).

Foram também apreendidos artigos de vestuário contrafeito no valor de 1.800 euros e identificado um indivíduo, proprietário dos artigos contrafeitos. Além disso, foram elaborados quatro autos por diversas infracções rodoviárias.

O Núcleo de Investigação Criminal da Guarda apreendeu, a três de Agosto, 23 plantas de cannabis e 182 sementes que se encontravam cultivadas num terreno na localidade de Alvendre, perto da Guarda. A investigação já decorria há algum tempo e permitiu a detenção, em flagrante delito, de um indivíduo de 22 anos de idade, estudante universitário. O jovem foi presente ao Tribunal da Guarda e viu ser-lhe aplicada a medida de coação de Termo de Identidade e Residência.

No mesmo dia, o Posto Territorial do Sabugal deteve dois indivíduos de nacionalidade romena (um homem, de 22 anos e uma mulher, de 17), por crime de furto em estabelecimento comercial.

Os indivíduos utilizavam sacos forrados com folhas prateadas, onde colocavam os artigos que pretendiam furtar (essencialmente perfumes e artigos de beleza), de forma a não activar os sistemas de alarme, explica a GNR.

Os suspeitos acabaram por ser interceptados na localidade de Vila Boa – Sabugal e tinham na sua posse dois sacos com os objectos furtados.

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*